PELAS RUAS DE PARIS

Em 2007, se não me falha, mesmo novinho o meu gosto por moda já criava espaço na minha mente de garoto de 15 anos. A cidade luz, a mais romântica do mundo, a mais visitada pelos turistas, a capital da moda.

Minha primeira impressão de Paris foi sair de um livro de história que tanto estudavamos no colégio e viver um pouco daquilo séculos depois. Logo fiquei me interrogando e tentando entender qual era a verdadeira importância e por que tanto suspiro numa cidade tão suja e antiga. Talvez normal pela minha idade e imaturidade na época.

Explorando os monumentos e atrativos da cidade, fui mudando minha opinião e pensamentos – pra mim tão intrigantes – como num passe de mágica.

Esse encantamento, no entanto, não veio só da arquitetura de tempos passados e espetacular de Paris. Vinha da parte viva da cidade que desfilava pelas ruas como numa passarela de desfile de moda. A elegância das pessoas em seus passos, o aroma de seus perfumes e principalmente as roupas. A beleza das mulheres e dos homens franceses também me chamavam a atenção. Mas a elegância e o modo como se vestiam… Era como se eu tivesse mergulhado em uma Vogue.

Como estudande da oitava série do ensino fundamental, meus olhos se deslumbravam com tanto bom gosto, e vagamente, ao fechar os olhos ainda vejo aquele garotinho tão fascinado, pisando pela primeira vez na Champs-Élysées.

E não importa a época do ano, os parisienses estão sempre muito bem vestidos, independentemente da estação. E sendo o berço de tantas grifes e estilistas, duas marcas que um bom parisiense não pode deixar de ter no guarda-roupa são Lanvin e Sandro. E aqui no blog a gente separou algumas peças dessas duas marcas que a gente adora, e mostra como elas podem ser usadas:

Sandro:

T-shirt branca, super básica, usada com jaquetinha jeans mais certinha, calça bege clara dobrada no tornozelo e sapatinho.

Blazer de duas peças preto com lenço de pescoço vermelho e sapato de couro camurça marrom. Perceberam o comprimento da calça bem canelado?

Casaco de nylon usado com layers. Tricô estilo cardigan com cor mais forte, camisa de botão e jeans escuro.

Lanvin:

Eu adoro essas camisetas com botão! Aqui um look mais escuro e casual com a jaqueta jeans aparecendo de novo.

Eu adoro cardigan! Não fica bom em mim mas acho uma peça super descolada pra se usar no inverno tanto com camisa ou camiseta por baixo. Aqui uma calça preta mais justinha e sapatos claros.

Essa moda de long shirt é muito bacana. Essa de listra vertical super alonga o corpo. Com calça preta mais reta e gladiator sandals. A jaqueta mais curtinha por cima da um toque e fica mais acinturada.

E pra completar qualquer look, alguns acessórios fatais, todos masculinos:

Começando pela bolsa Balenciaga vermelha e continuando em sentido horário: óculos de sol Linda Farrow, botas masculina Balmain, scarf Paul Smith.

E pra fechar, o streetstyle da cidade, por Tommy Tom:

 

Anúncios

Uma resposta em “PELAS RUAS DE PARIS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s